A informação a todo momento

ÁGUAS DAS CHUVAS COMEÇAM A MUDAR CENÁRIO DOS RESERVATÓRIOS AO LONGO DO RIO SÃO FRANCISCO

27/01/2016 13:39

O Blog Geraldo José acompanha diariamente o nível da Barragem de Sobradinho. Na segunda-feira (25), o reservatório atingiu a marca de 5,1%, o que já se torna um motivo de alegria para os moradores que vivem no entorno do lago e que vinham sofrendo as consequências da grande estiagem. No mês de dezembro a Barragem de Sobradinho atingiu a pior marca da sua história que foi o valor de 1%.

O Blog Geraldo José recebeu, por e-mail, informações sobre as chuvas que caíram na região do Parque Nacional da Serra da Canastra, que fica a 4km das nascentes do Velho Chico em Minas Gerais. Somente no período de 02 a 20 de janeiro choveu 333 mm. No ano passado, nesse mesmo período, o volume de chuvas foi de 109,6 mm.

Ainda de acordo com os dados enviados pela chefia do Parque Nacional da Serra da Canastra, a vazão do Rio São Francisco no Parque está maior que em janeiro de 2015 e isso acontece devido a presença de vários afluentes que nascem no alto da Serra da Canastra. A água oriunda desses afluentes segue em direção ao norte, sul e leste da Serra da Canastra que, mais tarde, se une ao Rio São Francisco.     

As chuvas também mudaram o cenário de outros reservatórios que dependem do Rio São Francisco. Segundo dados da Agência Nacional de Água (ANA) a barragem de Três Marias está operando com 17,46% da sua capacidade e a de Itaparica atingiu o nível de 32,91%.

A previsão é que as chuvas devem continuar em Juazeiro e cidades vizinhas. Até domingo (31), segundo o Laboratório de Meteorologia da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF) o céu estará variando de parcialmente nublado a nublado e em alguns dias poderá ocorrer chuvas com trovoadas.                                                                                                

 

Formosa News, a informação a todo o momento. Fonte: Geraldo José

 

Voltar

Pesquisar no site

© 2015 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode