A informação a todo momento

JUAZEIRENSE-BA JOGA MELHOR, MAS PERDE PARA O BOTAFOGO-RJ E ESTÁ ELIMINADO DA COPA DO BRASIL

20/05/2016 12:18

Juazeirense joga melhor, mas perde para o Botafogo e está eliminado da Copa do Brasil

Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

 

A Juazeirense visitou o Botafogo pela partida de volta da segunda fase da Copa do Brasil nesta quinta-feira (19), em Duque de Caxias (RJ). Precisando do resultado, o Cancão (como é chamada a Juazeirense) jogou melhor, mas, mas perdeu por 1 a 0 com um gol aos 41 do segundo tempo, e não conseguiu a classificação para a próxima fase da competição. 

 

Com a eliminação, os baianos só voltam a campo em junho, quando se inicia a Série D do Campeonato Brasileiro. O clube está no grupo A5, junto a Icasa-CE, Altos-PI e Maranhão. A primeira partida acontecerá no dia 12, contra o Icasa, no Adauto Moraes, às 16h. O Botafogo, por sua vez, jogará pela série A, e visitará o Sport neste domingo (22), na Ilha do Retiro, às 18h30, pela segunda rodada da competição.

 

O JOGO

O Botafogo recebeu a Juazeirense após uma vitória na primeira partida, por 2 a 1. Com time misto, a equipe carioca jogava pelo empate e Cancão de Fogo precisava ir para cima para conseguir avançar para a próxima fase da Copa do Brasil.

 

Os baianos começaram em cima e pressionando a saída de bola do time da casa. Aos seis minutos, primeira chegada da equipe de Juazeiro. Capone furou e, no rebote, a bola saiu mascada. Foi o primeiro susto que o Botafogo sofreu.

Foto:Vitor Silva/SSPress/Botafogo

 

Capone perdeu

Aos 12 minutos, grande jogada de Alex Travassos. O lateral cruzou muito fechado, Helton Leite rebateu e Capone, livre, isolou a bola

 

Mais uma vez Juazeirene

Aos 14 minutos, Deca fez jogada individual e cruzou para Nino Guerreiro. O camisa 9 tentou de letra, chutou em cima do zagueiro, e na volta finalizou com perigo

 

Primeira chance do Botafogo

O Fogão chegou apenas aos 28 minutos. Vitor Luis chegou à linha de fundo e achou Luis Henrique na área, que finalizou com muito perigo para Tigre. Aos 32 minutos, Bruno Silva chutou de longe e a bola passou muito perto novamente. Os cariocas começaram a gostar do jogo

 

Estatísticas

Até os 34 minutos, os números evidenciaram a supremacia da Juazeirense. Nesse instante, o Cancão havia finalizado seis vezes, contra três dos cariocas

 

Tentativa de Alex

Aos 36 minutos, falta para a Juazeirense. Alex Travassos tentou surpreender Helton Leite, mas mandou a bola por cima do gol. Mais uma finalização dos baianos

 

Segundo tempo

 

Perdeu Galego

Aos cinco minutos, grande passe de Everlan para Toni Galego. O atacante da Juazeirense, cara a cara com Helton Leite, não caprichou e perdeu o gol

 

Mais uma chegada

Aos oito minutos, foi a vez de Nino Guerreiro. Na bola chuveirada pelo lado esquerdo, o atacante subiu mais alto que a defesa alvinegra, mas Helton Leite encaixou

 

Botafogo responde

Aos 20 minutos, Luis Henrique exigiu grande defesa de Tigre, após uma bliz dos cariocas. Aos 22 minutos, Emerson chutou de longe, sem perigo para o goleiro do Cancão.

 

De longe

Aos 35 minutos, Toni Galego pegou uma bola na intermediária e chutou, surpreendendo o goleiro do Botafogo, que mandou a bola para escanteio

Gol do Botafogo
Aos 41 minutos, com a Juazeirense toda à frente, o Botafogo teve um contra-ataque e não desperdiçou a chance: fez 1 a 0. No entanto, na origem da jogada, Octávio estava impedido

 

FICHA TÉCNICA

Botafogo x Juazeirense

Copa do Brasil – 2ª fase (jogo de volta)

Local: Los Larios, Duque de Caxias (RJ)

Data: 19/05/2016

Horário: 21h30

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)

Assistentes: Rafael Trombeta e Ivan Carlos Bohn (PR)

Cartões amarelos: Bruno Teles (BOT) Diego Teles, Deca e Capone (JUA)
Gol: Neílton

 

Botafogo: Helton Leite, Diego, Renan Fonseca, Emerson Santos e Vitor Luis; Bruno Silva, Fernandes, Marquinho e Salgueiro (Neilton); Sassá (Ribamar) e Luis Henrique (Octávio) Técnico: Ricardo Gomes

 

Juazeirense: Tigre, Alex Travassos (Naldo), Paulo Henrique, Ricardo Braz e Deca; Capone, Diego Teles, Everlan e Wanderson (Gianlucas); Toni Galego e Nino Guerreiro. Técnico: Janilson Silva

 

Fonte: Matheus Caldas / BN Esportes

 

Voltar

Pesquisar no site

© 2015 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode