TEMER DÁ STATUS ESPECIAL A CHEFE DA CULTURA, MAS MANTÉM SUBORDINAÇÃO A MINISTÉRIO

20/05/2016 20:40

Temer dá status especial a chefe da Cultura, mas mantém subordinação a ministério

Foto: Marcos Corrêa / PR

 

A fim de abrandar as reivindicações contra a extinção do Ministério da Cultura, o presidente em exercício Michel Temer decidiu criar um cargo especial para Marcelo Calero, agora secretário especial nacional de Cultura. Anunciada nesta sexta-feira (20), a decisão foi anunciada através da retificação da Medida Provisória, publicada no último dia 12 com a reorganização dos ministérios. Com status maior, o cargo de Calero possui maior autonomia que um secretário comum, porém, ainda menor que um ministro. Temer criou ainda cinco secretarias especiais – a de Agricultura Familiar, subordinada ao Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário, a de Micro-Empresa subordinada ao Ministério da Casa Civil, a de Direitos Humanos, a de Igualdade Racial e a de Mulheres, todas três vinculadas ao Ministério da Justiça.

 

Fonte: Bahia Notícias

Voltar

Pesquisar no site

© 2015 Todos os direitos reservados.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!